carregando...

Notícias

Notícias

Verba de R$ 7 mi garante implantação em Rio Preto



26/08/2011

Secretário confirma repasse de recursos para a construção do ParTec Rio Preto

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Paulo Alexandre Barbosa, anunciou nesta sexta-feira (26) a liberação de R$ 7,2 milhões em recursos do Estado para a construção do Parque Tecnológico de São José do Rio Preto (ParTec Rio Preto).

A confirmação do repasse foi feita durante o 1° Seminário ParTec, realizado no teatro da Unip, em Rio Preto. O evento contou com a participação de autoridades públicas, especialistas em ciência e tecnologia e representantes de instituições empresariais, de ensino e pesquisa e teve como objetivo de discutir ações integradas para a viabilização do empreendimento.

O Parque Tecnológico de São José do Rio Preto será implantado em uma área municipal com mais de 845 mil m², localizada nas proximidades da Rodovia Washington Luiz (SP-310). O futuro empreendimento será voltado à pesquisa e ao desenvolvimento de produtos e processos nas áreas de saúde, instrumentação, química, informática e agronegócio.

O investimento de R$ 7,2 milhões do Governo de São Paulo será destinado à construção de dois edifícios que deverão abrigar o núcleo administrativo do parque e um centro empresarial, que contará com uma incubadora de empresas de base tecnológica, laboratórios e auditório com 210 lugares para convenções. O local terá todo o suporte necessário para a instalação de micro e pequenas empresas inovadoras. As obras terão início em 2012 com previsão de término em 2014.

Evento teve como objetivo discutir ações para a viabilização do empreendimento

“O Parque Tecnológico de Rio Preto será uma referência no desenvolvimento de soluções na área de saúde. Com o auxílio da pesquisa voltada à inovação, a expectativa é que as empresas desse setor alavanquem mercados globais e tecnologia de ponta, criando novas oportunidades e estimulando a geração de emprego e renda para os moradores da região”, disse o secretário Paulo Alexandre Barbosa.

O projeto pretende abrigar ainda uma estação experimental e um distrito industrial para empresas com perfil tecnológico, além de unidades de ensino superior, como o Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (Ibilce) da Universidade Estadual Paulista (Unesp), a Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp) e a Faculdade Estadual de Tecnologia (Fatec).

O projeto do ParTec Rio Preto faz parte do Sistema Paulista de Parques Tecnológicos (SPTec), criado pelo Governo do Estado de São Paulo para dar apoio e suporte a essas iniciativas, com o objetivo de atrair investimentos e gerar novas empresas intensivas em conhecimento ou de base tecnológica. Desde que o SPTec foi criado a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia investiu cerca de R$ 50 milhões na realização de obras e estudos para a implantação desses empreendimentos. Para 2011, estão previstos mais R$ 20 milhões.

Em todo o Estado de São Paulo existem 30 iniciativas para implantação de parques tecnológicos, sendo que o PqTec de São José dos Campos foi o primeiro a receber o status definitivo no sistema, enquanto outras 18 iniciativas estão com credenciamento provisório: Araçatuba, Barretos, Botucatu, Campinas (três iniciativas: Polo de Pesquisa e Inovação da Unicamp, CPqD e CTI-TEC), Ilha Solteira, Mackenzie-Tamboré, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Carlos (duas iniciativas: ParqTec e EcoTecnológico), São José do Rio Preto, São Paulo (duas iniciativas: Jaguaré e Zona Leste) e Sorocaba.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo