carregando...

Notícias

Notícias

Unesp passa ser ponto oficial de Bookcrossing



02/12/2014

Fonte: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita FIlho"

BookCrossing baseia-se no conceito básico “Ler, Registrar e Libertar” (Divulgação)A reitoria da Unesp passou esta semana a ser um ponto oficial de Bookcrossing. A iniciativa é do Comitê de Artes e Cultura, vinculado à pró-reitoria de Extensão Universitária, com apoio da pró-reitoria de Administração. A ação começou a ser desenvolvida numa prateleira no hall da reitoria. Começa com 190 livros, todos eles cadastrados e disponíveis para serem retirados e, após lidos, novamente 'libertados' pelos seus leitores. A reitoria fica na rua Quirino de Andrade, 215, 4º andar, São Paulo, SP.

BookCrossing é um conceito que pode ser resumido como a prática de deixar um livro num local público, para ser encontrado e lido por outro leitor, que por sua vez deverá fazer o mesmo. O objetivo do Bookcrossing é “transformar o mundo inteiro numa biblioteca”. 

Os membros desta comunidade de leitores, que não conhece limites geográficos, possuem um sentimento de partilha tão grande que não se importam de libertar seus próprios livros em locais como cafés, transportes públicos, bancos de praças e outros lugares que a imaginação ditar, para que outras pessoas os possam ler, ao invés de manter as obras paradas nas estantes. É uma forma de tornar o acesso à cultura e especificamente à leitura verdadeiramente universal.

O BookCrossing foi concebido em 2001 pelo programador Ron Hornbaker. Desde então, o movimento tem crescido exponencialmente, tornando-se global: está presente em 132 países, com quase 11 milhões de livros registrados e 2,5 milhões de membros.

O fato de alguém encontrar um livro registrado no BookCrossing não implica que tenha que registrá-lo no site, já que pode deixar um comentário anônimo ao livro. No entanto, quem desejar usufruir plenamente do site (participar dos fóruns, registrar seus próprios livros, etc.) e juntar-se à comunidade, terá de se inscrever. A inscrição é totalmente gratuita e anônima, sendo que o novo membro terá apenas de criar uma identidade virtual que o identificará sempre que fizer novos registros no site.

O BookCrossing baseia-se no conceito básico “Ler, Registrar e Libertar”: Leia um bom livro, Registre-o no site para adquirir o número BCID e Liberte-o, passando para um amigo ou deixando-o em um local público.

Informações sobre o Bookcrossing no site: http://www.bookcrossing.com.br/

O BookCrossing chegou ao Brasil em 2001, alguns meses depois que foi lançado o BookCrossing.com nos EUA, seja por meio da Internet ou de livros que viajaram de um país ao outro. Está presente em todos os estados brasileiros e conta com cerca de 8 mil usuários cadastrados.

Além de libertar regularmente livros em lugares públicos, os usuários do movimento no Brasil participam de diversos eventos literários como bienais e festas literárias, quando seus usuários promovem uma “libertação em massa” e distribuem centenas ou milhares de exemplares para o público.

Atualmente, existem cerca de 40 Pontos Oficiais de BookCrossing em todo o Brasil. A Unesp, ao aderir a esta iniciativa, poderá ser a universidade brasileira com maior presença no projeto devido a sua presença em praticamente todo o Estado de São Paulo.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo