carregando...

Notícias

Notícias

Unesp Botucatu inaugura núcleo de Telesaúde



26/12/2012

O Departamento de Gestão de Atividades Acadêmicas (DGAA) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), em conjunto com Núcleo de Educação a Distância e Tecnologias da Informação em Saúde (NEAD.TIS), inaugurou o Núcleo de TeleSaúde da Rute (Rede Universitária de Telemedicina).

Foram inaugurados o Núcleo de TeleSaúde RUTE no Pronto-Socorro Cardiológico Universitário de Pernambuco Professor Luiz Tavares(PROCAPE), Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC) da Universidade de Pernambuco (UPE) e o Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), todos em Recife.

No HCFMB, a inauguração foi realizada online pelo Dr. Mozart Sales, secretário Nacional de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES).

Sobre a Rute
A Rede Universitária de Telemedicina é uma iniciativa do Ministério da Ciência e Tecnologia, apoiada pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e pela Associação Brasileira de Hospitais Universitários (Abrahue) e coordenada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), que visa a apoiar o aprimoramento de projetos em telemedicina já existentes e incentivar o surgimento de futuros trabalhos interinstitucionais.

A iniciativa provê a infra-estrutura de serviços de comunicação, assim como parte dos equipamentos de informática e comunicação para os grupos de pesquisa, promovendo integração e conectividade e disseminando atividades de P&D das instituições participantes.

A utilização de serviços avançados de rede deverá promover o surgimento de novas aplicações e ferramentas que explorem mecanismos inovadores na educação em saúde, na colaboração a distância para pré-diagnóstico e na avaliação remota de dados de atendimento médico.

A Rute possibilita, em um primeiro momento, a utilização de aplicativos que demandam mais recursos de rede e o compartilhamento dos dados dos serviços de telemedicina dos hospitais universitários e instituições de ensino e pesquisa participantes da iniciativa. Em um segundo momento, a Rute leva os serviços desenvolvidos nos hospitais universitários do país a profissionais que se encontram em cidades distantes, por meio do compartilhamento de arquivos de prontuários, consultas, exames e segunda opinião.

Sua implantação traz impactos científicos, tecnológicos, econômicos e sociais para os serviços médicos já existentes, permitindo a adoção de medidas simples e de baixo custo, como a implantação de sistemas de análise de imagens médicas com diagnósticos remotos, que pode contribuir muito para diminuir a carência de especialistas, além de proporcionar treinamento e capacitação de profissionais da área médica sem deslocamento para os centros de referência.

A cerimônia ocorreu dia 14 de dezembro na Sala de Reuniões da Superintendência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), com a presença de autoridades do HCFMB e também da Faculdade de Medicina (FM) de Botucatu.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo