carregando...

Notícias

Notícias

Telecurso TEC: Ensino profissionalizante



26/06/2007

O Governo do Estado de São Paulo e a Secretaria de Desenvolvimento, por meio do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, e, em parceria com a Fundação Roberto Marinho, apresentarão no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, no próximo dia 28 de junho, quinta-feira, o programa Telecurso TEC. O objetivo é ampliar de maneira significativa a oferta do ensino técnico e contribuir para a qualificação de jovens e adultos trabalhadores em diferentes setores econômicos.

O evento, marcado para as 11h, terá as presenças do secretário de Desenvolvimento, Alberto Goldman; da diretora superintendente do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, Laura Laganá e do presidente da Fundação Roberto Marinho, José Roberto Marinho. Apesar de o ensino profissionalizante ser cada vez mais exigido no mercado de trabalho, os números apresentados em pesquisas revelam que ainda há um longo caminho a ser percorrido até se chegar ao patamar considerado ideal pelas empresas e pelo Governo. De acordo com o Censo Escolar de 2006 do MEC, mais de 8,9 milhões de brasileiros estavam matriculados no ensino médio e apenas 700 mil cursavam o ensino técnico em todo o país. Em São Paulo, por exemplo, dos 2,5 milhões de alunos do ensino médio, somente 248 mil freqüentavam os cursos profissionalizantes. Mais do nunca, nos dias de hoje, é preciso desenvolver projetos que ofereçam uma melhor qualificação profissional dando assim, uma opção para jovens e adultos que desejam ingressar no mercado de trabalho.

O programa Telecurso TEC vai oferecer cursos modulares de nível técnico, utilizando um abrangente sistema de educação à distância e presencial. Eles terão foco na gestão de três áreas: Administração Empresarial; Gestão de Pequenas Empresas e Secretariado e Assessoria. A seleção desses cursos foi feita de acordo com a demanda por estes tipos de especialização e com a intenção de alcançar o maior número possível de jovens. Os cursos figuram também entre os mais procurados no Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, referência no país em educação profissional. Números relevantes auxiliaram ainda na escolha: dados do IBGE revelam que, apenas no Estado de São Paulo, existem hoje quase 100 mil empresas de administração, sejam públicas ou de serviços, isso sem contar aquelas que aproveitam profissionais desta área em seus departamentos, qualquer que seja o seu ramo de atuação.  Com isso, a procura dos estudantes pelo ensino técnico é cada vez maior. O Centro Paula Souza recebe, anualmente, mais de 350 mil inscrições, para cerca de 70 mil vagas disponíveis.

No dia 25 de junho serão abertas tec-salas em unidades do Centro Educacional Unificado (CEU), da secretaria municipal de educação e na escola municipal de educação fundamental Presidente Campos Salles, em Heliópolis. Até agora, 40 orientadores de aprendizagem já foram capacitados para atuar com a metodologia do Telecurso TEC.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo