carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Tecnologia desenvolvida na Unicamp oferece ambiente virtual de aprendizagem



06/06/2014

Fonte: Adriana Arruda / Unicamp

Pesquisadores do Instituto de Biologia (IB) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) – o professor Eduardo Galembeck e o aluno Rodrigo Dias Takase – desenvolveram um software educacional para dispositivos móveis e computadores. Desenvolvido na Unicamp e testado na Purdue University, nos Estados Unidos, o 3D Class é um ambiente virtual de aprendizagem que pode ser aplicado em ensino à distância em cursos formais ou informais em qualquer nível acadêmico e também em atividades complementares dentro da sala de aula.

O programa de computador foi registrado em 2012 com o auxílio da Agência de Inovação Inova Unicamp e em 2013 foi licenciado para a empresa Opusphere, startup atualmente incubada no Softex, dentro da Unicamp. “Ao sermos procurados pela empresa, o processo de licenciamento do 3D Class foi complexo. A empresa que fez o licenciamento da tecnologia também submeteu uma solicitação de financiamento na linha PIPE, da FAPESP, e os contratos tiveram que contemplar o projeto da empresa com a FAPESP. Nesse sentido a Inova foi essencial para a elaboração desses contratos e auxílio em todo o processo”, explica Galembeck. Para Marcel Leal, diretor de marketing e sócio da empresa, o apoio da Inova foi importante. “Por sermos uma startup criada em 2013, ainda não possuímos estrutura para tratar de questões burocráticas e contratuais deste porte. O auxílio legal da Inova foi fundamental para estabelecermos essa parceria”.

De acordo com Galembeck, o programa de computador tem como diferencial uma interface otimizada para dispositivos móveis e elementos de jogos chamados gamificação. “A tecnologia oferece aos usuários um ambiente que agrega recursos aos componentes educacionais que contribuem para aumentar o envolvimento dos usuários com as atividades curriculares e com o ambiente propriamente dito”, explica. O 3D Class foi inicialmente desenvolvido para uso interno, mas os pesquisadores já previam que uma tecnologia com tais características poderia ser atraente ao mercado. O professor ressalta que, em 2013, o 3D Class foi utilizado em três disciplinas da Purdue, duas do Departamento de Química e uma do Departamento de Biologia. “Essa utilização envolveu dois docentes e cerca de 850 alunos de graduação e 40 alunos de pós-graduação que atuaram como monitores. Na Unicamp, a tecnologia foi utilizada com cerca de 90 alunos do IB em 2013 em uma disciplina”. O cenário em 2014 deverá ser ainda mais positivo. “Para o primeiro semestre de 2014, o 3D Class deverá será utilizado em uma disciplina na Purdue e cinco disciplinas da Unicamp, do IB, IQ e Faculdade de Educação (FE). O sistema está bastante estável e novas funcionalidades tem sido implementadas constantemente”.

Marcel acredita que uma das áreas de enorme potencial para a gamificação é a educação. “Os exemplos de gamificação estão cada vez mais frequentes e com resultados significativos no mundo todo. O 3DClass é a oportunidade que vimos para implantar todos esses conceitos e tornar o processo de aprendizado no Brasil mais divertido e lúdico”. Para ele, o grande benefício para a empresa no licenciamento foi a economia de tempo e recursos no desenvolvimento de uma solução tecnológica. “O 3D Class já é um produto finalizado e testado, pronto para começarmos uma estratégia de gamificação no ensino”, explica. O sócio acredita que o potencial de mercado da tecnológica é grande, mas é preciso vencer alguns obstáculos. “O sistema de ensino no Brasil é bastante arcaico. Dessa maneira, qualquer tentativa de modernizar a educação esbarra neste sistema de ensino já defasado.
No entanto, com a tecnologia já desenvolvida pela Unicamp e uma ampla pesquisa de campo envolvendo uma equipe multidisciplinar, acredito que o3D Class aumentará o crescente interesse da própria sociedade em mudar e melhorar a educação no país”.

Atualmente a tecnologia está disponível para sistemas operacionais iOS, Android e MacOS, além de uma interface web exclusiva para alunos que usam o 3D Class para atividades obrigatórias e não possuem dispositivos com iOS, Android ou MacOS. Galembeck também explica que a tecnologia possui uma parte pública acessada por usuários que baixem protótipo gratuitamente nas lojas da Apple e Google, porém os conteúdos das disciplinas são restritos para os alunos nelas matriculadas.

Mais informações sobre o 3D Class podem ser encontradas em www.3dclass-app.com.

Sobre a Opusphere

A Opusphere é uma startup fundada em 2013 e atualmente está incubada dentro da Unicamp, no núcleo Softex, prédio do Inovasoft. Atua principalmente no ambiente corporativo, gamificando a gestão de pessoas e processos nas empresas. Além do 3D Class, possui mais dois produtos: o Wannadoo, ferramenta gamificada para o auxílio na gestão de pessoas, e a Platamine,  plataforma de gamificação completa para qualquer sistema. Para mais informações, acesse http://www.opusphere.com.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo