carregando...

Notícias

Notícias

Secretário anuncia prédio do Via Rápida em Santos



10/04/2012

Secretário apresentou ações da Pasta voltadas para capacitação profissional (Ruy Jobim Neto/SDECT)O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado, Paulo Alexandre Barbosa, ministrou nesta terça-feira (10), a palestra de abertura do 1º Fórum Metropolitano de Qualificação Profissional para o Mercado de Trabalho, realizado em Santos. Durante a exposição, foram apresentadas as ações da Pasta voltadas para a capacitação nos níveis superior, técnico e tecnológico, além dos projetos de formação profissional.

A surpresa ficou por conta do anúncio da construção do Centro Profissionalizante da Zona Noroeste, uma das cinco unidades fixas do Via Rápida Emprego. O secretário explicou que o projeto vai funcionar em um prédio compartilhado com o Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) Archimedes José Bava, em Santos.


“Com esta unidade, em breve teremos mais cursos do Via Rápida Emprego para a população da região da Baixada Santista. Nenhum País se torna potência sem eleger a educação como prioridade. É isso que o governo do Estado de São Paulo vem fazendo”, reforçou Paulo Alexandre Barbosa.

A unidade do Via Rápida vai atender 270 pessoas por mês, durante os 3 turnos de aula, totalizando 3240 alunos por ano. Os cursos serão voltados para construção civil, petróleo e gás. O governo de São Paulo vai investir cerca de R$ 4,7 milhões no prédio que será composto por 3 pavimentos, 19 salas de aula, 3 laboratórios múltiplos e 2 laboratórios de informática. O edifício será acessível para portadores de deficiência e vai comportar a instalação de unidades móveis.

Organizado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Metropolitano e pela Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem), o 1º Fórum Metropolitano de Qualificação Profissional para o Mercado de Trabalho tem como objetivo construir um panorama crítico da situação dos jovens da região, focando nos investimentos públicos na formação técnica e em programas de inclusão. O encontro contou com o apoio das prefeituras de Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo