carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Secretaria cria comitê permanente do setor de couro, calçados e artefatos



15/08/2013

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado, Rodrigo Garcia, reuniu-se nesta quinta-feira, 15 de agosto, com representantes do setor de calçados, couro e artefatos para a criação de um comitê voltado ao debate de projetos e ações para estímulo ao segmento. No âmbito estadual, a ação é inédita no País. A iniciativa de abertura de diálogo com a indústria couro-calçadista partiu do Secretário, após encontro com empresários na Feira Internacional da Moda em Calçados e Acessórios (Francal), em julho.

O secretário Rodrigo Garcia explicou que o comitê é o primeiro passo no atendimento às demandas do setor. “É fundamental ter informação, resposta e diálogo permanente com o governo para encontrar soluções para os desafios da indústria. Queremos tirar ideias e projetos do papel. Esse laboratório com o segmento coureiro-calçadista vai nos orientar e ajudar com os demais setores”, declarou.

A instalação oficial do comitê está prevista para ocorrer no mês de setembro, com encontros bimestrais. A proposta é mais uma iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) para estímulo à cadeia coureiro-calcadista, que já conta com apoio da Pasta por meio do Programa de Fomento aos Arranjos Produtivos Locais (APLs). Os APLs são concentrações de empresas que atuam em atividades similares ou relacionadas, que, sob uma estrutura de governança comum, cooperam entre si e com outras entidades públicas e privadas.

A Secretaria possui programas e ações em três APLs voltados ao setor calçadista: Jaú, Franca e Birigui, que juntos geram quase 200 mil empregos diretos e indiretos, segundo as associações setoriais. Nos polos de Jaú e Franca, a SDECT liberou recursos para a estruturação e implantação do Núcleo de Inteligência Competitiva de Couro e Calçado (NICC), já no de Birigui, a Pasta auxilia na estruturação do Núcleo de Design Estratégico. Foram investidos mais de R$ 840 mil nos projetos.

Participaram do encontro o coordenador de Desenvolvimento Regional e Territorial da Secretaria, Flávio Prandi Franco, o assessor parlamentar da Pasta, Paulo Delgado, o subsecretário de Empreendedorismo e da Micro e Pequena Empresa, Ernesto Vega Senise, o presidente do Sindicato da Indústria de Calçados de Franca (Sindifranca), José Carlos Brigagão, o gestor executivo do Sindifranca, Hélio Augusto Jorge, o diretor executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Artefatos de Couro e Acessórios de Viagem (Abiacav), Mário Jorge Frassati, o diretor executivo do Sindicato da Indústria de Calçados de Jaú (Sindicalçados) de Jaú, José Geraldo Galazzini, o presidente do Sindicato das Indústrias do Calçado e Vestuário de Birigui (Sinbi), Nelson Giardino, e o diretor da Inova Paula Souza, Oswaldo Massambani.

Incentivos do governo estadual ao setor

Para beneficiar o segmento, o governo do Estado concedeu no ano passado redução do ICMS. O governador Geraldo Alckmin assinou decreto em 20 de dezembro de 2012 prorrogando, por tempo indeterminado, a redução do ICMS de 12% para 7% para as indústrias têxteis, de confecção e de calçados do Estado de São Paulo.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo