carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

São Paulo e Lombardia buscam aproximação econômica



25/11/2010

 Agência apresentou benefícios oferecidos pelo Estado de São Paulo (Francisco Rosa/Investe SP)

O Estado de São Paulo e a Lombardia, região da Itália na qual fica Milão, participaram de uma série de palestras e encontros buscando uma maior aproximação das duas regiões. Nesta quinta-feira, 25 de novembro, a Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade recebeu um grupo de autoridades italianas chefiadas pelo secretário de Comércio, Turismo e Serviços da Lombardia, Stefano Maullu.

Durante o encontro, o presidente da Investe SP, Mario Mugnaini Jr. apresentou as principais oportunidades de investimentos no Estado de São Paulo, com destaque para o setor aeroespacial e a expansão da cadeia de fornecedores.

Maullu mostrou-se interessado nas possibilidades de negócios existentes no Brasil e em especial em São Paulo. Durante seu discurso ressaltou as oportunidades de investimento no setor imobiliário. “A Itália possui muita competência no setor imobiliário. A Copa de 2014, as Olimpíadas de 2016 e os setores de tecnologia são ótimas oportunidades de negócio em solo paulista”, destacou.

Na Fiesp, discutiu-se importância de eventos internacionais para realização de negócios (Francisco Rosa/Investe SP)
 

Além de receber a delegação da Lombardia, a Investe São Paulo, participou, nessa quarta-feira, de um seminário realizado na sede da Fiesp, que discutiu a importância de eventos e feiras internacionais para a realização de negócios. Mugnaini ressaltou a boa relação entre paulistas e milaneses. “Essa proximidade é muito importante, já que se tratam de duas regiões de grande importância para os seus respectivos países”, afirmou.

Já o presidente da Câmara de Comércio Ítalo-Brasileira, Edoardo Polastri, destacou a visão positiva que os italianos têm da economia brasileira. “Posso dizer que estamos no lugar certo no momento certo. O Brasil vive uma fase muito boa. Hoje, o Brasil é um player mundial considerável”, destacou.

O diretor do Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior da Fiesp, Thomaz Zanotto, observou que existem diversos setores com oportunidades de sinergia entre a indústria paulista e a italiana. “O Estado de São Paulo possui clusters que muito se assemelham à indústria italiana. Os setores de cerâmica, em Santa Bárbara, e têxtil, em Americana, são exemplos dessa proximidade. Nós precisamos melhorar em inovação tecnológica e os italianos podem nos ajudar com sua tecnologia”, concluiu.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo