carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Região de Franca ganha mais uma Etec



08/03/2010

O governador José Serra assinou, na última sexta-feira, 5 de março, o decreto de criação da Escola Técnica (Etec) de Ituverava. A mais recente Etec da região administrativa de Franca teve Vestibulinho para o primeiro semestre de 2010. O processo seletivo ofereceu 160 vagas distribuídas entre quatro cursos: Administração, Contabilidade, Informática e Redes de Computadores. No próximo ano a unidade deve implantar ensino médio no período da manhã.

Com as três unidades criadas na semana passada – Francisco Morato, Nova Odessa e Olímpia –, o Centro Paula Souza passa a administrar 183 Etecs, distribuídas em 138 cidades paulistas. As novas Etecs integram o Plano de Expansão para o Ensino Profissional, uma das prioridades do governo estadual para a área da Educação.

Saiba os cursos técnicos que as outras três Etecs oferecem:

Etec de Francisco Morato
Localizada na Região Metropolitana de São Paulo, que atualmente conta com 18 Etecs, excluindo as 36 unidades da Capital, a escola de Francisco Morato participou do Vestibulinho para o primeiro semestre de 2010, oferecendo 80 vagas para o Ensino Médio e 240 vagas, divididas entre quatro cursos técnicos: Administração, Contabilidade, Informática e Secretariado.

Etec de Nova Odessa
A mais recente Etec da Região Administrativa de Campinas iniciou suas atividades em 2009 como classe descentralizada, extensão da Etec Polivalente de Americana, com os cursos técnicos de Administração e Segurança do Trabalho. A novidade do processo seletivo desse semestre foi a oferta do curso técnico de Modelagem do Vestuário. A partir do próximo ano a escola deve implantar o Ensino Médio.

Etec de Olímpia
As aulas da nova unidade da Região de Barretos começaram no dia 8 de fevereiro. A Etec, entregue oficialmente pelo governador nessa segunda-feira, 1º de março, oferece dois cursos técnicos: Administração, com 80 vagas divididas entre os períodos da tarde e da noite, e Comércio, com 40 vagas à noite. Em 2011, a escola também deve implantar o Ensino Médio.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo