carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Proteção à indústria têxtil



26/06/2007

O governo brasileiro está defendendo o setor têxtil com ferramentas muito frágeis, segundo o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Alberto Goldman. Para ele, as poucas condições proporcionadas ao exportador, aliadas aos incentivos às importações e sobrevalorização do Real, estão contribuindo para uma “desendustrialização progressiva” dos parques industriais paulistas. O discurso foi proferido na solenidade de abertura da 59ª edição da FENIT – Feira Internacional da Indústria Têxtil – nesta terça-feira (26/06) no Anhembi.

Goldman alertou para a necessidade de se tomar consciência desse processo e colocou a secretaria de Desenvolvimento à disposição para ajudar os produtores a combater uma invasão externa que comprometa a indústria brasileira. “Do ponto de vista da secretaria de Desenvolvimento, queremos dar todo o tipo de apoio ao setor porque ele é nacional, gera renda e emprego para o país. Temos alguns instrumentos possíveis e queremos usá-los, principalmente na área de desenvolvimento tecnológico e apoio político para a contenção de uma invasão que possa destruir nossos parques industriais”, afirmou.

A FENIT é a feira mais tradicional e inovadora da indústria têxtil, que proporciona anualmente aos profissionais do setor a oportunidade de conhecerem as últimas novidades em produtos e serviços, além da realização de encontros de negócios. Neste ano, traz como novidade noventa expositores internacionais, vindos da Índia, China e Itália e segue até a próxima sexta-feira (29/06).

Goldman ainda destacou a importância de uma vontade política para reestruturar o setor e torná-lo competitivo no mercado mundial. “O estado de São Paulo está do lado dos produtores para enfrentar a sobrevalorização do real, porque isso não é uma coisa somente de mercado. A ação política do Estado brasileiro é fundamental nessa questão”, disse.

Participaram da cerimônia, além de Alberto Goldman, o presidente da Alcântara Machado (entidade organizadora do evento) José Rafael Guagliardi; diretor-geral da Reed Exhibitions, Juan Pablo de Vera; presidente da Associação Brasileira do Vestuário (Abravest), Roberto Chadad; presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), Alencar Burti; diretor-geral do SENAI, Alexandre Figueira Rodrigues; cônsul-geral da China em São Paulo, Li Jiaoyun; diretor comercial da FENIT, Ricardo Matrone; além de outras autoridades, empresários e representantes de entidades ligadas à indústria têxtil.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo