carregando...

Notícias

Notícias

Premiê finlandês visita São Paulo



13/05/2008

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento, Alberto Goldman, recebeu nesta terça-feira (13/05) o primeiro-ministro da Finlândia, Matti Vanhanen, em audiência na sede da Secretaria. O premiê finlandês e o vice-governador paulista conversaram sobre diversas áreas da administração pública para identificar possíveis parcerias entre os dois governos. “É a minha primeira vez no Brasil, estou impressionado com a grandeza de São Paulo e imagino que deva ser um grande desafio administrar um estado deste porte”, disse Vanhanen. “Por isso temos muito interesse em parcerias com São Paulo”, completou.

Goldman expôs à delegação finlandesa alguns aspectos sobre a educação e pesquisas tecnológicas em São Paulo. Mas o assunto que mais atraiu a atenção do primeiro-ministro foi o etanol e sua cadeia produtiva. “Procuramos avançar na tecnologia de transformação do álcool em produtos que poderão substituir derivados de petróleo”, disse Goldman. “Nossa produção de etanol não substitui a produção de alimentos e nem destrói florestas”, destacou.

Matti Vanhanen destacou que a Finlândia não produz cana-de-açúcar e, por isso, procura novas alternativas para a produção de biocombustíveis. “Ver a vanguarda tecnológica de São Paulo na produção do etanol nos desperta grande interesse, em especial nas pesquisas para transformação de celulose em combustível. Além disso, saber que a biomassa de cana-de-açúcar no estado tem potencial de produção de 4 mil MegaWatts é impressionante”, disse.”

Outro assunto bastante discutido foram os investimentos em transportes públicos. “Essa é a área em que estamos planejando os mais expressivos investimentos, especialmente em metrô e trens, seja por meio direto, seja por parcerias público-privadas (PPP)”, afirmou Goldman.

A delegação finlandesa contou também com as presenças do Embaixador da Finlândia no Brasil, Ilpo Manninen; o subsecretário de Assuntos Internacionais, Esko Hamilo; e o Cônsul geral honorário da Finlândia, Jan Jarne.”

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo