carregando...

Notícias

Notícias

Novartis cresce e gera empregos



10/07/2007

O vice-governador e Secretário de Desenvolvimento do Estado de São Paulo, Alberto Goldman, participou nessa terça-feira (10/07), da inauguração da nova planta do laboratório Sandoz, da empresa Novartis, em Taboão da Serra.

A empresa tem como meta ser a maior exportadora de medicamentos do Brasil, e pretende triplicar o atual volume até 2012, além de gerar 210 empregos diretos. Os investimentos são por volta de R$ 124 milhões. O presidente mundial da Novartis, Daniel Vasella, disse durante o evento que “esse investimento representa um grande crescimento para a saúde pública”.

O governador José Serra, que também discursou no evento, ressaltou que essa fábrica, que será a maior exportadora de genéricos do país, gerará muitos empregos diretos e indiretos na região metropolitana de São Paulo. “A Novartis foi a primeira multinacional que mergulhou na produção de genéricos no Brasil. Essa fábrica vai quintuplicar a produção e isso é uma boa para a população e uma boa também para as exportações”, afirmou.

Quando era Ministro da Saúde, na década de 90, Serra implantou o “Programa de Genéricos” no Brasil. “A instalação dessa fábrica é uma afirmação de que a nossa estratégia lançada no passado com preço, qualidade e transparência estava correta” ressaltou o governador.

O laboratório Sandoz pretende, após sua inauguração, aumentar a produção anual de comprimidos em seis bilhões, em contraste com o atual um bilhão. “Mais de 90% desse número será para atender a América Latina e os Estados Unidos”, explicou Vasella.

Também estavam presentes, o presidente da Novartis no Brasil, Alexander Triebnigg, a deputada estadual Analice Fernandes e o prefeito de Taboão da Serra, Evilásio Farias.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo