carregando...

Notícias

Notícias

Jucesp e Fecomercio defendem utiliza ção de câmaras de arbitragem



15/10/2013

O presidente da Jucesp (Junta Comercial do Estado de São Paulo), Armando Luiz Rovai, reuniu-se na última quarta-feira (9/10) com representantes da Fecomercio/SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo). Eles discutiram a utilização das câmaras de arbitragem como modelo alternativo para a solução de conflitos e também o apoio à Portaria 58. 

Participaram da reunião com o presidente da Jucesp Luis Antonio Flora e Ana Paula Locoselli Erichsen. Segundo Rovai, a ideia é montar uma câmara composta por membros da Fecomercio, da Câmara Internacional de Paris, Sebrae-SP (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e Sescon-SP (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de São Paulo). “Queremos uma câmara de arbitragem que reúna entidades importantes que deem credibilidade”, ressalta. 

O presidente da Jucesp é um grande defensor das câmaras de arbitragem. Durante palestra no 7º Simpósio Jurídico e de Gestão Empresarial, da ABF, realizado em setembro, ele já havia sugerido modelos alternativos para a solução de conflitos. Ele entende que a arbitragem reúne profissionais especializados para a decisão e que é ainda mais ágil que a Justiça comum. 

Em relação à Portaria 58, Flora diz que a Fecomercio vai dar total apoio à divulgação, aplicação e efetivação. “Existem práticas comerciais que não são regradas e podemos regrar aqui na Junta, o que facilitará bastante o andar dos processos”, destaca. 

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo