carregando...

Notícias

Notícias

José Goldemberg é nomeado conselheiro da Fapesp



08/05/2015

Fonte: Fundação de Amparo á Pesquisa do Estado de São Paulo

Nomeação para integrar Conselho Superior da Fapesp foi publicada no diário oficial na última quinta-feira (Divulgação/USP)O professor José Goldemberg foi nomeado pelo governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, para integrar o Conselho Superior da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), em complementação ao mandato de Alejandro Szanto de Toledo. A nomeação de Goldemberg, indicado pela Universidade de São Paulo (USP), foi publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo na quinta-feira, 7 de maio.

O ex-professor titular do Instituto de Física (IF) da USP, Alejandro Szanto de Toledo morreu no dia 21 de fevereiro de 2015. Goldemberg nasceu em Santo Angelo (RS), em 1928, fez o bacharelado em Ciências em 1950 e atuou como bolsista do professor Marcello Damy de Souza Santos, a quem auxiliou na instalação do acelerador Betatron na USP.

Fez doutorado em 1954 e livre-docência em 1957 na USP, onde foi reitor de 1986 a 1990 e é professor titular aposentado do IF. Foi professor associado na Universidade de Paris, professor catedrático na Escola Politécnica da USP, professor titular da Universidade de Toronto, professor visitante na Universidade de Princeton, professor visitante na Academia Internacional do Meio Ambiente de Genebra e catedrático de Estudos Latino-Americanos na Universidade de Stanford.

Goldemberg dirigiu o IF da USP, foi presidente da Sociedade Brasileira de Física e da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência e secretário do Meio Ambiente e do Estado de São Paulo. É membro da Academia Brasileira de Ciências desde 1955 e recebeu a Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico da Presidência da República do Brasil, em 1995.

No governo federal, foi secretário de Ciência e Tecnologia da Presidência da República, secretário Interino de Meio Ambiente – quando teve papel decisivo para o sucesso da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente (Rio-1992) – e ministro da Educação.

Entre diversos prêmios e títulos que recebeu em sua carreira estão o prêmio pela contribuição para o desenvolvimento da economia da Associação Internacional da Economia Energética (1989), o doutor honoris causa do Instituto de Tecnologia de Israel (1991), a Medalha Butantan (2005), o título de pesquisador emérito do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (2006) e o Prêmio Planeta Azul da Asahi Glass Foundation (2008).

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo