carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Itajobi terá usina de energia fotovoltaica



10/01/2013

O Estado de São Paulo, referência mundial no uso de energias limpas e renováveis, terá, a partir de 2013, uma cidade em que cerca de mil residências serão abastecidas com eletricidade gerada pela luz do sol: Itajobi, localizada a 400 km da capital. A prefeitura do município assinou, recentemente, um contrato com as empresas New Generation Power (NGP, americana) e Tecnometal (TCNM, Brasileira) para a construção de uma usina solar fotovoltaica.

O projeto, que receberá investimento de R$ 21 milhões, foi assessorado pela Investe São Paulo, que forneceu informações sobre o setor e ajudou na interação com entidades e órgãos governamentais ligados ao assunto.

“Desenvolver o setor de energias renováveis é fundamental para o crescimento econômico de São Paulo. O Governo do Estado apoia e incentiva o uso de energias limpas para que tenhamos uma matriz energética cada vez mais sustentável”, explicou Luciano Almeida, presidente da Investe SP.

“A NGP acredita no potencial do mercado solar brasileiro e espera poder contribuir para o desenvolvimento desta área investindo em tecnologia e agregando valores e expertise”, afirmou o presidente da New Generation Power, Chirinjeev Kathuria. Em sua primeira fase (1,5 MW por pico de potência), serão gerados até 2.343 MWh de Energia, abastecendo a prefeitura municipal, e com o excedente, cerca de mil residências. A previsão é que as instalações sejam feitas no primeiro semestre de 2013, para que em setembro as atividades já comecem.

Estima-se que o novo empreendimento traga grandes impactos para a região, trazendo para o entorno da usina empresas, profissionais e cursos técnicos especializados. “A Tecnometal está 100% comprometida com sustentabilidade e desenvolvimento da Indústria Nacional no setor de energias renováveis e sua cadeia de suprimentos” disse o vice-presidente da Tecnometal, Angelo Cota.

O projeto vem sendo conduzido há cerca de um ano pela Gerente de Novos Negócios da NGP, Fernanda Augusto, e pelo Gerente Comercial da TCNM, Carlos Evangelista. Envolveu analises financeiras, técnicas, políticas, regulatórias e ambientais, além da negociação comercial entre todos os envolvidos no empreendimento. Para viabilizar a construção da usina, as duas empresas criaram uma joint-venture que ainda terá o nome definido. A Tecnometal é a primeira empresa brasileira a produzir módulos fotovoltaicos em escala industrial, e a New Generation Power, conhecida pelo desenvolvimento de projetos com energias renováveis, é a primeira empresa americana a investir em energia solar para uso em larga escala no Brasil.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo