carregando...

Notícias

Notícias

IPT cria grupo de políticas sustentáveis



19/05/2011

Amostras de solo estão entre resíduos não- perigosos incluídos no sistema de gestão

O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) acaba de criar um grupo de trabalho para estruturar a política de segurança, meio ambiente e saúde da instituição. Entre as primeiras atividades, a nova equipe irá colocar em prática o sistema de gestão de resíduos dos laboratórios, com a criação de mecanismos de reaproveitamento interno, operação dos serviços de coleta e transporte, operação das centrais de armazenamento, avaliação/monitoramento dos métodos de tratamento e manutenção dos registros para constituição de inventários.

A equipe irá implantar e operacionalizar o sistema de gerenciamento de resíduos dos laboratórios, que foi concebido a partir de recursos do projeto Pro-Infra – Finep/2006. A iniciativa concluída em 2010 trouxe como resultados a organização de uma infraestrutura física para receber, realizar a triagem e, em alguns casos, tratar e dispor corretamente os resíduos perigosos, os não-perigosos e os efluentes líquidos.

Além das tarefas operacionais, o grupo iniciará uma série de estudos para identificar os procedimentos, processos e recursos necessários para solução, mitigação e prevenção dos problemas ambientais do instituto. Paralelamente, cada laboratório do IPT deverá fazer uma análise dos riscos oferecidos pelas atividades relacionadas à disposição e ao tratamento de seus resíduos, a partir das orientações do novo grupo. A ideia é que cada um deles elabore os seus procedimentos internos de gerenciamento, obedecendo às necessidades e particularidades com base nas diretrizes apresentadas pela nova área.

Formação
A área de gestão de resíduos será composta pelos membros titulares responsáveis pelas Coordenadorias de Gestão da Qualidade, de Suprimentos e de Gestão do Patrimônio do IPT, além do responsável pela área de segurança e saúde do trabalhador do departamento de Recursos Humanos. O grupo contará com assessoria ad-hoc dos pesquisadores que trabalham com os temas meio ambiente e sustentabilidade e participaram do projeto Pro-Infra – Finep.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo