carregando...

Notícias

Notícias

Investe SP fecha programa de intercâmbio profissional com agência portuguesa



04/10/2013

Cônsul-Geral de Portugal em São Paulo assina protocolo na sede da empresa paulista; Funcionário vai ficar 40 dias aprendendo melhores práticas na Aicep

No programa, um funcionário da Investe SP irá passar 40 dias dentro da agência portuguesaO Cônsul-geral de Portugal em São Paulo, Paulo Lopes Lourenço, e o diretor da sede paulistana da AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal), Carlos Moura, estiveram nesta quarta-feira, 2 de outubro, na sede da Investe São Paulo para a assinatura do acordo de cooperação entre as duas agências.

O objetivo é levar um funcionário da Investe SP para ficar 40 dias na sede da empresa portuguesa, observando as estratégias da AICEP e trocando melhores práticas  na promoção de investimentos. O intercambista também terá a missão de prospectar novos negócios para o Estado. 

Este já é o quarto intercâmbio profissional realizado pela Investe SP com agências de promoção de investimento. Dessa vez, o programa terá duração de 40 dias, e começa em novembro de 2013.

Seleção
Os programas de intercâmbio realizados pela Investe São Paulo  com outras agências envolvem um complexo e transparente processo seletivo. Ele começa com o lançamento de um edital, que impõe as regras para a avaliação em duas etapas: o plano de ação e a apresentação.

No plano de ação, os candidatos descrevem o que se propõem a fazer caso sejam escolhidos para a ação. O documento, em inglês, é composto por quatro partes: benchmarking (observação de processos e melhores práticas), prospecção de novos negócios, promoção do Estado de São Paulo como destino de investimentos e experiência profissional e pessoal.

Os planos são avaliados anonimamente por uma comissão formada por dois diretores internos e três convidados externos. Entre eles, normalmente, está o cônsul ou vice-cônsul do país onde o programa será realizado. Essa parte do processo corresponde a 60% da pontuação total do funcionário.

Na segunda etapa, os candidatos devem preparar uma apresentação de 30 minutos, também em inglês, para uma empresa fictícia de determinado setor econômico. O objetivo é avaliar as habilidades de cada funcionário para vender o Estado, criar relacionamentos com potenciais investidores e tirar o máximo proveito possível do programa de intercâmbio. Essa apresentação, avaliada pela mesma comitiva, corresponde aos outros 40% da pontuação total do candidato.

O  processo permite que funcionários de todas as áreas da agência tenham a chance de vivenciar o programa de intercâmbio.

Só este ano, a agência paulista já enviou funcionários para períodos na Kotra, a agência de promoção de investimentos da Coreia do Sul e para três agências no Reino Unido: a UKTI, que promove investimentos e exportação para o país como  um todo, a London & Partners, que promove Londres, e a Midas, que promove a região de Manchester. O primeiro intercâmbio foi realizado em 2012, com a Jetro, a agência de promoção de investimentos e exportação japonesa.

Fonte: Investe SP

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo