carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Fórum internacional debate expansão do Porto de Santos



25/08/2011

Paulo Alexandre falou ainda sobre a importância de investimentos no Ferroanel

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Paulo Alexandre Barbosa, participou na manhã desta quinta-feira (25) de Mesa-redonda O Porto de Santos não pode parar: como resolver a questão da infraestrutura e multimodalidade? O evento fez parte da nona edição do Santos Export 2011 - Fórum Internacional para Expansão do Porto de Santos. O evento é uma iniciativa do Sistema A Tribuna de Comunicação.

Na ocasião, o secretário defendeu a qualificação da mão de obra portuária como forma de eliminar um dos maiores gargalos do Porto de Santos: a falta de qualificação.

O debate foi mediado pelo comentarista da Globo News, George Vidor, e teve como debatedores o diretor da Antaq, Pedro Brito; o presidente da Codesp, José Roberto Correia Serra; o diretor titular Adjunto do Departamento de Infraestrutura da FIESP, - Pedro Francisco Moreira; e o presidente do Conselho de Autoridade Portuária (CAP) e secretário de Assuntos Portuários de Santos, Sérgio Aquino.

Paulo Alexandre destacou a importância do trabalhador portuário no desenvolvimento do cais santista. “Um dos maiores patrimônios do Porto de Santos é a sua inteligência e a força do trabalho, o capital humano. O Governo do Estado não tem medido esforços para ampliar a capacitação profissional na Baixada Santista”, disse.

O secretário citou a instalação do campus da USP na Vila Mathias, em Santos, que terá inicialmente os cursos de graduação em Engenharia de Petróleo, especialização semipresencial em Ética, Valores e Cidadania na Escola e mestrado em Sistemas Logísticos.

As inscrições para os interessados em concorrer a uma das vagas do curso de Engenharia de Petróleo podem ser feitas a partir do próximo sábado (27) pelo site www.fuvest.com.br.

O secretário citou ainda o Via Rápida Emprego, programa lançado em 14 de julho pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado, com o objetivo de oferecer capacitação profissional gratuita, por meio de cursos de curta duração. São mais de 130 opções de cursos e 30 mil vagas, distribuídas em mais de 400 municípios. No próximo ano, o programa será ampliado e deverá atender mais 125 mil cidadãos.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo