carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Formados em Multimídia conquistam estágio



14/01/2013

Felipe Correa Oliveira, aluno da Escola Técnica Estadual (Etec) Jornalista Roberto Marinho, na Capital, está ansioso para começar o estágio na TV Globo. Ele e Georgia Catarina Alves Pinto foram selecionados após um processo seletivo concorrido, que incluiu dinâmica de grupo, prova de inglês e lógica e entrevista individual. “Estou feliz, porque meu primeiro trabalho vai ser em uma empresa ótima, na área que eu sempre gostei”, diz Felipe. “O curso tem matérias interessantes, como Semiótica, Ética e Aplicativos Informatizados para Multimídia, em que aprendemos a mexer com os softwares”, completa o estudante.

Para 2013, serão cinco vagas de estágio na empresa para alunos deste curso. Do técnico em Produção de Áudio e Vídeo, foram selecionados Angelo Augusto Crispin, Jaqueline Xavier Santos, Wellington Amorim de Oliveira.

Mais três alunos do curso de Multimídia estão concorrendo a vagas no mercado de trabalho, uma no estúdio do fotógrafo J.R. Duran, outra na empresa de informática SellCom e a terceira, na Inmetrics, na área de TI. Segundo o diretor Mauro Gut, “estas são vagas de estágio que a escola apresentou aos alunos, mas às vezes o próprio estudante consegue por conta própria. E tem aqueles que trabalham na área como profissionais contratados ou free lancers em todos os módulos, inclusive nas turmas formadas agora”.

A formatura das duas primeiras turmas do curso técnico em Multimídia será no sábado, 12, no auditório da Fatec São Paulo, localizada no Bom Retiro, na Capital. Inaugurada em agosto de 2011, a Etec Jornalista Roberto Marinho é resultado da parceria entre o Centro Paula Souza, a TV Globo e a Fundação Roberto Marinho. O prédio da Etec foi construído pela Globo, em terreno cedido pelo governo estadual.

Como em todos os cursos técnicos do Centro Paula Souza, os alunos de Multimídia realizaram trabalhos de conclusão de curso, os TCCs. Os grupos criaram sites, jogos, aplicativos para celulares de temas variados, como um site que localiza ONGs na Zona Sul, revista eletrônica sobre jogos de tabuleiro, aplicativo para organizar os horários dos seriados preferidos da TV. “Sou fã de séries e fiz o Ensino Técnico junto com o Médio, assim como outros colegas da classe. Então percebemos que criar um aplicativo que avisasse os horários dos seriados e organizasse uma programação seria útil para nós mesmos e para muita gente”, conta Ana Catharina Mattos Schoene, que desenvolveu o projeto SerieApp.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo