carregando...

Notícias

Notícias

Fatec Jundiaí participa do projeto Rondon



02/01/2013

Seis alunos e dois professores da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Jundiaí vão participar do Projeto Rondon, programa coordenado pelo Ministério da Defesa que, desde 1967, promove a integração social com participação voluntária de universitários. Os estudantes viajam no dia 18 de janeiro para Brejões, município de 16 mil habitantes no interior da Bahia, onde vão desenvolver atividades pedagógicas e sociais durante duas semanas.

Participam da iniciativa estudantes de diversos cursos de graduação tecnológica: Maitê Lopes, Letícia Rodrigues de Souza, Tânia Mizue Okada, Ricardo Silva, de Gestão Ambiental; Luana Terhoch e Lúcia de Assis Círio da Costa, de Eventos; Aderlei de Souza Filho e Carlos Danúsio Silva Maia Sobrinho, de Gestão da Tecnologia da Informação; e os professores Lívia Louzada Brandão, de Língua Portuguesa, e João Eichenberger Neto, de Estatística e Matemática.

“Eles vão promover oficinas, minicursos, treinamentos, elaboração de uma horta comunitária e sessões de cinema na escola”, informa Juliana Rink, coordenadora do curso de Tecnologia em Gestão Ambiental e uma das articuladoras do projeto na unidade. Ao todo, estão planejadas 33 atividades, que incluem o levantamento do potencial turístico da cidade, o reaproveitamento de alimentos e coleta seletiva e a formação de cooperativas.

Em novembro de 2012, para dar início às ações previstas na “Operação 2 de Julho”, a professora Lívia foi conhecer Brejões e conversar com o prefeito para elaborar um diagnóstico socioambiental do município e organizar a viagem. “A iniciativa vai proporcionar aos alunos e à faculdade uma experiência única, já que a Fatec Jundiaí será a primeira Fatec do Estado a participar do projeto”, completa Juliana.

O Projeto Rondon
O Projeto Rondon é realizado em parceria com diversos Ministérios e tem o apoio das Forças Armadas, que proporcionam o suporte logístico e a segurança necessários às operações. Conta, ainda, com a colaboração dos Governos Estaduais, das prefeituras e de empresas socialmente responsáveis.

As ações do projeto são orientadas pelo Comitê de Orientação e Supervisão do Projeto Rondon, que inclui representantes dos Ministérios da Defesa, do Desenvolvimento Agrário, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, da Educação, do Esporte, da Integração Nacional, do Meio Ambiente, da Saúde e da Secretaria-Geral da Presidência da República.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo