carregando...

Notícias

Notícias

Fapesp discute cooperação em pesquisa com o governo da Etiópia



14/04/2014

Fonte: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp)

Vice-presidente da Fapesp, Eduardo Krieger, e vice-primeiro-ministro da Etiópia, Demeke Mekonnen, durante encontro na fundação (Divulgação)O vice-primeiro-ministro da Etiópia, Demeke Mekonnen, chefiou uma delegação de ministros e assessores do governo etíope em visita à Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), em 11 de abril. O objetivo do encontro foi conhecer a política de apoio da fundação no fomento à ciência, tecnologia e inovação no Estado para discutir as bases de uma possível cooperação em pesquisa.

As autoridades da Etiópia foram recebidas pelo vice-presidente da Fapesp, Eduardo Moacyr Krieger, pelo assessor técnico da Diretoria Científica, Hernan Chaimovich, e pelo coordenador adjunto das áreas de Ciências Exatas e Engenharias da fundação, Roberto Marcondes Cesar Júnior.

Mekonnen foi acompanhado pela ministra da Ciência e Tecnologia, Demitu Hambisa, pelos ministro do Interior, Ahmed Abtew, ministro da Educação, Kaba Urgessa, diretor do Science and Technology Information Center (STIC-Ethiopia), Abry Ahmed, e o embaixador da Etiópia no Brasil, Sinknesh Ejigu. Também fizeram parte da comitiva os assessores em Ciência e Tecnologia Solomon Getchew, Abdissa Yilma, Negash Tola, Stamm Andreas e Assefa Negussie.  

Em suas exposições, os professores Krieger e Chaimovich apresentaram o desempenho do fomento realizado pela Fapesp em São Paulo, as práticas para análise e seleção de propostas de pesquisa e os diferentes instrumentos disponíveis na fundação para apoiar o desenvolvimento de projetos conjuntos.   

“Estamos abertos à discussão sobre como apoiar a cooperação entre grupos de pesquisas do Estado de São Paulo e da Etiópia por meio do estímulo à mobilidade de cientistas e o intercâmbio entre eles”, disse Krieger.

“Queremos aprender com o Brasil sobre como gerenciar avanços em ciência, tecnologia e inovação para implementar ações que possam transformar conhecimento em desenvolvimento, na Etiópia. Estamos muito satisfeitos com esta oportunidade de fortalecer a cooperação entre os dois países”, disse Mekonnen.

Algumas áreas de interesse de pesquisa na Etiópia são ambiente e sustentabilidade, recursos hídricos e educação. “Iniciamos a discussão de acordos de cooperação com diferentes instituições no Brasil, entre elas a Embrapa, que estão em fase de ratificação. Com a Fapesp, pretendemos estabelecer um acordo com base nas discussões de hoje, que será elaborado em conjunto com os ministérios envolvidos em atividades de pesquisa em nosso país”, informou o vice-primeiro-ministro.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo