carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Etec de Barra Bonita recebe R$ 2 milhões em obras



07/01/2010

Diretora da Etec de Barra Bonita assina ordem de serviço para início das obras

A Escola Técnica (Etec) Comendador João Rays, de Barra Bonita, na região de Bauru, recebeu R$ 2,1 milhões em investimentos do governo do Estado para início das obras de reforma e ampliação da unidade. A ordem de serviço foi assinada nesta quinta-feira, 7 de janeiro, pelo secretário de Desenvolvimento do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, durante evento realizado na própria Etec.

A unidade contará com mais seis salas de aula, auditório, laboratório de química, arquivo, quatro sanitários e passarela de acesso. Os recursos também serão utilizados na construção de cozinha, despensa, área de serviço, sala para diretoria e cantina, além de adaptação dos laboratórios de informática, reforma e ampliação das salas de apoio e recuperação do telhado da oficina, do muro e do gradil. As obras deverão ficar prontas no segundo semestre de 2010.

Integrada ao Centro Paula Souza em 1994, a Etec conta atualmente com 556 alunos matriculados, sendo 200 no Ensino Médio e 356 no Ensino Técnico. No vestibulinho para o 1º semestre de 2010, mais de 550 candidatos concorreram a uma das 200 vagas oferecidas: 80 para o Ensino Médio e 120 distribuídas nos cursos técnicos de Administração, Informática e Informática para Internet.

Mais de 100 pessoas participaram da cerimônia de assinatura na Etec

Empregabilidade
De acordo com o último levantamento da Área de Avaliação Institucional (AAI) do Centro Paula Souza – divulgado em dezembro de 2009 – 73,7% dos técnicos formados pelas Etecs conseguem emprego um ano após a conclusão do curso. As estatísticas mostram, ainda, que 87,7% têm vinculo formal de trabalho e ganham, em média, 2,2 salários mínimos – o que representou um aumento de 22,2% em relação ao balanço do período anterior.

O setor da indústria, segundo o estudo, é o que mais emprega (24,7%), seguido por serviços (18,8%), comércio (13,9%), saúde (10%), informática (7,8%), educação (5,9%), construção civil (5%) e agropecuária (3,8%). Os 10% restantes estão empregados em outras áreas. As empresas que mais contratam são as grandes corporações, com 30,2% da força de trabalho, seguidas pelas médias empresas, com 20,5%.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo