carregando...

VÍDEOS

ÓRGÃOS VINCULADOS

Notícias

Notícias

Concessão da Rodovia Dom Pedro I



28/09/2007

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento, Alberto Goldman, apresentou nessa sexta-feira (28/09) algumas diretrizes que envolverão o projeto de concessão da rodovia D. Pedro I (SP-065). A explanação foi feita para os prefeitos Ary Fossen, de Jundiaí, e José Roberto Fumachi, de Itatiba.

A rodovia D. Pedro I, que liga Jacareí a Campinas, é um dos cinco lotes de rodovias que tiveram suas concessões aprovadas em reunião do Programa Estadual de Desestatização, do qual Goldman é o presidente. Assim como nos outros lotes, haverá obras complementares a serem realizadas pelo concessionário e, entre elas, a duplicação da ligação entre Jundiaí e Itatiba.

Antiga reivindicação da região, o vice-governador contou que insistiu para que a duplicação fosse incluída no projeto de concessão. “Desde os meus tempos de deputado federal existe a luta por essa obra, mas o Estado não tinha recursos para realizá-la. Agora, através da iniciativa privada, vamos proporcionar uma melhoria significativa à infra-estrutura dessa importante região”, disse.

O projeto de concessão da D. Pedro I prevê também a construção de terceira faixa da rodovia; o prolongamento do Anel Viário de Campinas até a Rodovia dos Bandeirantes e, posteriormente, até Viracopos; e a duplicação da ligação entre Engenheiro Coelho e Conchal.

Para o prefeito de Jundiaí, Ary Fossen, o anúncio é uma ótima notícia a toda a região. “É um gol de placa”, comemorou. José Roberto Fumachi, prefeito de Itatiba, salientou: “O governador José Serra e o vice-governador Alberto Goldman são parceiros antigos da nossa região, e só temos de agradecer por mais essa boa medida”.

Estiveram presentes também o presidente da Câmara Municipal de Itatiba, Erick Carbonari, a vereadora e primeira-dama Irene Fumachi, o Secretário Municipal de Obras de Jundiaí, Ademir Pedro Vitor, o presidente do Departamento de Água e Esgoto da cidade, Eduardo Palhares, além de vereadores de ambos os municípios.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo