carregando...

Notícias

Notícias

Cespeg promove fórum na capital



06/08/2009

A Secretaria de Desenvolvimento de São Paulo, por intermédio da Comissão Especial de Petróleo e Gás Natural (Cespeg), promoveu nesta quinta-feira, 06 de agosto, um fórum para apresentar um diagnóstico atual do setor petrolífero no Estado e debater ações e programas que poderão ser implementadas pelo Governo de São Paulo. Os nove Grupos de Trabalho da Cespeg discutiram a versão preliminar do relatório, que será concluído com sugestões feitas durante o encontro por especialistas do setor.

O evento reuniu mais de 150 pessoas, que integraram durante um ano os trabalhos da Comissão. O relatório final da Cespeg, com dados, propostas e ações para potencializar os benefícios da indústria de petróleo e gás no Estado será entregue ainda este mês ao governador do Estado, José Serra.

Na abertura do encontro, realizado no auditório da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), o secretário-adjunto de Desenvolvimento, Luciano de Almeida, falou sobre a primeira etapa do trabalho da Cespeg. “Essa proposta final potencializará a indústria de petróleo e gás natural no litoral de São Paulo”, disse Almeida.

O secretário-executivo da Cespeg, José Roberto dos Santos, ressaltou a importância das instituições publicas e privadas que participaram dos estudos. “Todas as 10 Secretarias, 18 entidades apoiadoras, o caráter multidisciplinar e a forte correlação entre os temas dos grupos da Cespeg ajudaram na conclusão dos trabalhos para o relatório final”, afirmou.

O secretário-adjunto de Saneamento e Energia, Ricardo Toledo, destacou o avanço da cadeia petrolífera. “Todo o processo de desenvolvimento do petróleo e gás no Estado implica não só em estratégias relativas aos energéticos, mas também a todo o processo de desenvolvimento urbano acelerado que se espera, incluindo o saneamento”. Também participaram do encontro o secretário-adjunto de Transportes, Sílvio Aleixo; o coordenador de Planejamento Ambiental, da Secretaria de Meio Ambiente, Casemiro Tércio; e o diretor de Infraestrutura da Fiesp, Carlos Cavalcanti.

Contribuíram ainda para os trabalhos da comissão professores de universidades, especialistas e representantes de entidades ligadas ao setor petrolífero e gás natural.

Apresentações
O Fórum debateu os nove Grupos de Trabalho (GTs) da Cespeg, divididos em três painéis: Benefícios Econômicos e Sociais; Inteligência do Petróleo (indústria e pesquisa); e Impactos Sociais e Ambientais. No painel sobre os Benefícios Econômicos e Sociais, foram debatidos os trabalhos dos grupos referentes à Construção Naval, Cadeia de Fornecedores, Marcos Regulatórios e Impactos Econômicos e Fiscais do litoral paulista.

Já no painel sobre Inteligência do Petróleo, foram debatidos os GTs de Mão-de-obra, Pesquisa e Inovação Tecnológica e Desenvolvimento Energético. Por fim, os Impactos Sociais e Ambientais discutiram os temas ligados à Infraestrutura Geral e de Escoamento e Desenvolvimento Regional.

Cespeg
A Comissão Especial de Petróleo e Gás Natural do Estado de São Paulo foi criada em setembro de 2008 com o objetivo de analisar os impactos das atividades relacionadas à exploração de petróleo e gás natural em São Paulo e propor ações para o desenvolvimento econômico e sustentável do setor no Estado.

A Cespeg conta com a participação de pesquisadores, entidades empresariais, universidades, instituições da sociedade civil, prefeituras e 10 Secretarias de Estado, que atuam com base em nove eixos estruturantes, com a meta de promover o desenvolvimento econômico a partir da cadeia do petróleo tornando o Estado de São Paulo referência mundial em bioenergia, petróleo e gás natural. Já foram realizados 22 reuniões, com 233 participantes, e 10 workshops, envolvendo 18 entidades em trabalho voluntário.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo