carregando...

Notícias

Notícias

Alunas da Fatec SP conquistam prêmio de TI



04/10/2012

Rhaiza e Ana Flávia apresentam sua criação vencedora do prêmio: o 'Robotino'

As estudantes Ana Flávia da Silva e Rhaiza Seimoha, do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) de São Paulo, conquistaram o 1º Prêmio SAE Brasil Estudantil de TI na Indústria da Mobilidade, organizado dentro do 21.º Congresso da Sociedade de Engenheiros da Mobilidade (SAE), na Capital.

Orientadas pelos professores Milton Silva da Rocha e Silvio do Lago Pereira, as alunas criaram um robô móvel com sensores para evitar colisões. A ideia pode ser aprimorada e utilizada, por exemplo, na indústria de automóveis. O “Robotino” foi produzido pela empresa Festo, de treinamento industrial e programas de ensino.

“Criamos um sistema para evitar colisões, como se o Robotino fosse um carro. Usamos cinco sensores de infravermelho para percepção e recepção de dados que decidem as ações e o movimento do robô”, conta Ana Flávia. “Para um automóvel, seria necessário usar o dobro de sensores.”

Rhaiza explica que, diferentemente do que hoje já existe no mercado automobilístico – sensor para estacionar e para ré –, o projeto vencedor do SAE Brasil poderia ser adaptado e ampliado para que o carro responda de diversas maneiras dependendo do tipo de obstáculo e da distância em que estiver. “Se for um pedestre, por exemplo, o carro reduz a velocidade; se for um motociclista na lateral, apenas indica a aproximação.”

“De uma maneira simplificada, podemos dizer que as alunas deram inteligência ao robô por meio da programação. Os sensores fazem com que ele veja o obstáculo”, diz o professor Rocha. Segundo ele, a ideia pode ser desenvolvida por engenheiros para funcionar em uma linha de produção ou outros ambientes da área industrial.

Congresso
As vencedoras receberão um iPad, bolsas em cursos na área de Tecnologia da Informação e certificados nesta quarta-feira, 3, durante o congresso da SAE, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Elas concorreram com projetos da Universidade Mackenzie e da Faculdade Impacta. Há mais de dez anos, a SAE realiza o prêmio para estudantes de Engenharia e pela primeira vez abriu um concurso para estudantes da área de Tecnologia da Informação.

Fundada em 1991, a SAE é uma associação que reúne engenheiros, técnicos e executivos com o objetivo de disseminar técnicas e conhecimentos relativos à tecnologia da mobilidade em suas variadas formas: terrestre, marítima e aeroespacial. É filiada à SAE International, criada em 1905, nos Estados Unidos que ajuda a elaborar normas e padrões relativos aos setores automotivo e aeroespacial em todo o mundo.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo