carregando...

Notícias

Notícias

Etecs superam escolas particulares no Saresp



20/05/2011

Prova avaliou cerca de 12 mil alunos em 117 Etecs; satisfação alcançou 80%

Alunos das Escolas Técnicas (Etecs) estaduais do Centro Paula Souza mais uma vez se destacaram no Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (Saresp), avaliação externa da educação básica, cuja prova foi aplicada em novembro de 2010 – é a segunda vez que as Etecs participam. Os alunos do 3º ano do Ensino Médio obtiveram média de 316,8 em língua portuguesa e de 322,5 em matemática – pontuação acima das escolas particulares (307,4 em língua portuguesa e 321,1 em matemática). Foram 117 Etecs avaliadas – cerca de 12 mil alunos. A média da rede estadual foi de 265,7 e 269,2, respectivamente.

De acordo com o Saresp, a maioria dos estudantes de Etecs avaliados tem nível de proficiência considerado suficiente para o ensino médio: 80,8% estão nos níveis básico, adequado ou avançado em matemática e 90,9% têm esse mesmo aproveitamento em português.

Realizado desde 1996, pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, o Saresp tem como finalidade fornecer informações consistentes, periódicas e comparáveis sobre a situação da escolaridade básica na rede pública de ensino paulista, visando orientar os gestores do ensino no monitoramento das políticas voltadas para a melhoria da qualidade educacional.

Sobre o Centro Paula Souza
Autarquia estadual vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, o Centro Paula Souza administra Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e Escolas Técnicas (Etecs) estaduais, além das classes descentralizadas - unidades que funcionam com um ou mais cursos técnicos em parceria com prefeituras ou empresas, sob a supervisão de uma Etec -, em mais de 200 cidades paulistas. As Etecs atendem mais de 200 mil estudantes, no Ensino Médio e no Ensino Técnico, para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços. Nas Fatecs, cerca de 50 mil alunos estão matriculados nos cursos de graduação tecnológica.

MAIS DESENVOLVIMENTO

Governo do Estado de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo